O primeiro post a gente nunca esquece – A arte une gerações


Por onde começar? Tenho tanta coisa para compartilhar que foi difícil escolher o que postar primeiro. A decisão final veio de um convite de uma das minhas sobrinhas, a Amanda, de 20 anos, de ajudar com o blog. No fim acabei achando ótima a sugestão de começar com um post que mostra que várias gerações podem se divertir muito quando passam tempo juntas. Eu e a Carolina adoramos aprender com a Amanda sobre a arte de pintar quadros com a técnica de estêncil. Ela funciona muito bem para quando queremos fazer um quadro daqueles bonitinhos e não temos muita habilidade (ainda) de fazer a mão livre. É ótimo para desenvolver a coordenação motora fina

O resultado final foi esse aqui:

Quadrinhos feitos com estêncil

Legal, né? Mas vamos por partes. Do que você vai precisar:

Material para o estêncil– quadrinhos

– tinta acrílica ou guache

– pincéis

– solvente para limpar os pincéis (ou água se usar tinta guache)

– potinho para colocar o solvente (ou a água)

– papel toalha para limpar os pincéis

– papel manteiga

– lápis grafite

– fita durex

– jornal para forrar a mesa e não deixar bagunça

Tudo pronto? O primeiro passo é escolher a imagem que você vai querer pintar. A Carol escolheu a caveira do Monster High, a Amanda um peixe do Romero Britto e eu um minion roxo (eu e a Carol adoramos o Meu Malvado Favorito). Usamos o Google para encontrar as imagens que a gente queria. Pode ser qualquer coisa. O importante é que a imagem tenha um contorno bem definido. Isso vai facilitar a transferência para o quadro

Escolhida a imagem, é a hora de copiar o contorno para o papel manteiga. A Amanda deu a dica de acender a lanterna do iPhone por baixo da mesa de vidro, criando uma espécie de mesa de luz que tornou muito fácil fazer a cópia.

Mesa de luz by iPhone Copiano a Monster High

Para fazer o contorno no papel manteiga, é importante usar o lápis grafite e fazer as linhas bem fortes e grossas. Isso porque vai ser a partir deste papel que vamos fazer o decalque da imagem na tela em branco. Basta virar o papel manteiga ao contrário, mantendo a imagem que foi desenhada colada na superfície da tela. Nesta hora, é bom usar a fita durex  para colar o papel manteiga na tela, evitando que o papel escorregue e você perca o traçado.

Decalque no quadro

O decalque, em si, você faz usando o lápis grafite para pintar com força no verso do papel manteiga. Tem que ser bem forte, porque é essa pressão do lápis grafite que vai transferir a imagem original para a tela.

Imagem decalcada

A Carol ficou surpresa com a perfeição do resultado!

Daí, temos um quadro pronto para ser pintado do jeito que a imaginação mandar!

Pintando quadrinhos Fundo da Caveira Monster High

A Amanda, que é uma artista, fez o quadro dela com um monte de detalhes. Foi uma delícia. E assim, mãe, filha e sobrinha, três gerações, passaram um tempo adorável juntas!

3 Comments

Add yours

+ Leave a Comment