5 dicas para aprender brincando com seus filhos e os amigos deles


Ano passado por conta da Semana Mundial do Brincar eu (aqui é a Patcamargo, numa segunda-feira!) conheci o projeto Dia de Aprender Brincando e achei muito bacana a proposta de convidar as escolas a tirar as crianças da sala de aula e propor atividades e brincadeiras ao ar livre para incentivar um aprendizado diferente, um pouco mais distante dos livros para variar.

Bom, a coisa funcionou, em 2016 cerca de 18 mil crianças foram envolvidas no projeto. Este ano, o Dia de Aprender Brincando acontece em 18 de maio, uma quinta-feira. A gente sabe aqui no Tempojunto o quanto a brincadeira é valiosa para o desenvolvimento das crianças e muitas vezes publicamos dicas de brincadeiras que trazem a ciência, a matemática, a linguagem ou as artes para um campo mais lúdico. E é incrível quando também a escola valoriza o brincar como uma das aliadas no ensino das crianças. Por isso, aqui vai um convite: se você é um pai, mãe, vô, vó ou até um professor que quer incentivar um dia fora do tradicional, com a brincadeira como ferramenta para aprender, dá uma olhada no site Dia de Aprender Brincando, que lá tem as informações de como a escola pode se inscrever e participar.

Para celebrar o brincar e aprender fora da sala de aula e inspirar o aprendizado ao ar livre como parte da rotina escolar, reunimos neste post 5 brincadeiras muito legais que você pode fazer com seus filhos e os amigos deles, numa área livre – parque, praça, quintal ou até o espaço livre do seu prédio. Quem sabem você não inspira os professores dos seus filhos para se unir a este movimento?

1. Relógio de sol

Super simples de fazer, esta brincadeira mostra como é possível acompanhar o movimento do sol e o passar do tempo pela sombra projetada no chão.

Bastou colocar o graveto para o relógio "começar a funcionar"!

Bastou colocar o graveto para o relógio “começar a funcionar”!

2. Pintura com os pés

Garanto que a criançada vai se divertir horrores criando uma obra de arte com os pés. Eu, particularmente, colocaria uma música para animar ainda mais! Cantem juntos!

Vamos colocar os pés para pintar com tinta de dedo - larissa pintando com pé

3. Esconde-esconde múmia

Esconde esconde lugares pequenos - brinquedao com pe aparecendo

O nome fui eu quem inventou, porque a criança que vai achar não pode sair do lugar e precisa ser perspicaz para descobrir quem está escondido onde. É legal para áreas livres menores ou para que o pique-esconde fique mais concentrado. O link da brincadeira está aqui.

4. Olhar as nuvens

5-dicas-para-aprender-brincando-com-seus-filhos-e-os-amigos-deles_patricia_carol_gabi_olhando_nuvem

Não tem coisa mais simples e ao mesmo tempo mais criativa que deitar-se no chão com as crianças para observar as nuvens. Vocês podem procurar formas geométricas, descobrir contornos de animais ou rostos. Quem sabe criar uma história a partir do que as nuvens estejam formando. E, claro, também dá para falar da nuvem, da chuva, do céu azul ou nublado e dos fenômenos climáticos, observando diretamente a natureza!

5-dicas-para-aprender-brincando-com-seus-filhos-e-os-amigos-deles_patricia_carol_gabi_apontando_nuvem

5. Cuidar de uma planta

Meus filhos aprendem, entre outras coisas na área de ciências da escola sobre as plantas. Então, durante as férias do início do ano, resolvi propor uma brincadeira de exploração e cuidados da planta. Cada um recebeu uma colher, água e um pouco de fertilizante natural e humus que eu tenho em casa e é bem fácil de encontrar em casas de jardinagem ou de construção.

Partimos para um pequeno bosque que há na área livre do meu prédio. Mas poderia ser um parque ou uma praça por exemplo. Eles tinham uma missão: encontrar uma planta que precisasse de ajuda e cuidados. Então deveriam cuidar dela. Olha só como foi a aventura.

5-dicas-para-aprender-brincando-com-seus-filhos-e-os-amigos-deles_larissa_henrique_plantando

5-dicas-para-aprender-brincando-com-seus-filhos-e-os-amigos-deles_sofia_mexendo_terra

Quem já brincou com os filhos ao ar livre percebe o quanto essas experiências podem ser poderosas. As brincadeiras são essenciais para o desenvolvimento saudável das crianças, o que significa que são uma parte essencial da rotina diária. Aprender ao ar livre, ou “aprender fazendo”, cria memórias duradouras e permite às crianças desenvolverem uma maior consciência sobre o meio ambiente, terem mais oportunidades de pensar de forma independente e serem desafiadas e animadas pela aprendizagem.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.