Tecnologia ajuda a brincar e resgatar memórias


Tanto eu quanto a Patricia Marinho “fechamos” na ideia que a tecnologia não é um mal em si mesma; mas, sim, algo que temos que fazer nossa aliada no convívio com os nossos filhos. E estar junto com eles no momento do uso da tecnologia é o ponto-chave, o hábito que precisa ser criado.

Hoje vou falar de uma brincadeira aqui em casa, criada pelo meu marido e que coloca a tecnologia ajudando a resgatar memórias da vida das crianças. Ela é tão incrível que muitos dias na semana meus filhos não veem a hora do pai chegar para brincarem “de filminho da vida”, como eles falam por aqui.

A brincadeira de resgatar as memórias virou um dos momentos mais gostosos em família e capitaneados pelo papai.

A foto e o vídeo inesperado

Meu marido é daqueles que ama tirar fotos de todos os momentos importantes da família, especialmente dos filhos. E muitas delas ficam bem legais. E foi “fuçando” no smartphone que ele descobriu uma função que agrupa fotos e vídeos por períodos e pelo retratado principal. O aplicativo (e há vários para Android e IOs que fazem isso) transforma estes elementos em um vídeo com fundo musical.

Nada complexo, tudo bem simples mesmo e linear. Mas o segredo da brincadeira não é o filme em si, mas as memórias que ele resgata.

Este aí na foto é meu sogro. Ele faleceu em 2012. Meus filhos eram bebês e não se lembram dele. Mas as crianças se recordam da imagem e sabem como era o avô. O mesmo acontece com minha sogra, que não chegou a ver nenhum dos netos.

Outro resgate incrível que temos com a tecnologia é das próprias memórias das crianças. Porque eles não lembram de como eram há 4 ou 5 anos. Na verdade, eles também esquecem de como eram ano passado.

Os “filminhos” de cada um se tornam porta de entrada para muitas contações de histórias nas noites em casa. Eu e meu marido falamos sobre aquele dia da foto, a viagem, o passeio, a brincadeira. Mostramos nos pequenos vídeos como eles eram, como falavam.

E assim, a tecnologia ajuda a resgatar memórias de um jeito bem fácil, mas, ao mesmo tempo, esta brincadeira nos mantêm juntos, estreitando nosso relacionamento.

Que tal você aproveitar agora, deixar seu celular formando filminhos da vida automaticamente, para chegar em casa mais tarde com uma surpresa bacana para todos?

E se você quer ideias simples e prática como estas para se aproximar ainda mais dos seus filhos, inscreva-se na nossa newsletter. Ela trará semanalmente por e-mail todas as brincadeiras do Tempojunto.

+ Não existem comentários

Deixe sua opinião