Escalar parede para ser criança


De vez em quando, sem combinar, eu e a Patcamargo fazemos as mesmas brincadeiras com os nossos filhos. Se a gente tivesse algum tipo de obrigação com o ineditismo das atividades, talvez a gente não pudesse publicar duas vezes o mesmo assunto. No entanto, a gente gosta de aproveitar essas coincidências para mostrar como uma única brincadeira pode funcionar bem com crianças de idades variadas, atingindo objetivos diferentes.

A brincadeira de homem aranha que a mamãe também faz

A brincadeira que faz sucesso tanto na casa dos Camargo quanto na casa dos Marinho dessa vez é escalar parede. A Patcamargo contou o ângulo dela no post Brincadeira de força e equilíbrio criada a partir da imaginação. Nele, a Pat conta como o Pocoyo e seu amigo criaram uma brincadeira incrível quando resolveram imitar o homem aranha.

A incrível espuma de sabão que não deu certo_henrique_calça_vermelha

Aqui em casa a história é outra. Assim, como o Pocoyo, a Carol gosta de escalar a parede desde pequena. Mas, para ela, a graça está na superação, na meta de conseguir alcançar o teto. Sendo que no nosso caso, o batente da porta foi o melhor caminho.

Escalar parede para ser criança - carol pendurada no batente da porta

Repare que, para ficar “confortável” no alto, ela mudou de estratégia e trocou o método de colocar um pé de cada lado do batente por um outro em que as costas ficam de um lado e os dois pés do outro lado. Olha um exemplo da brincadeira ajudando a criança a desenvolver a habilidade de buscar diferentes soluções para resolver um problema! Sente a alegria da criança.

Escalar parede para ser criança - carol fazendo pose

A brincadeira poderia ter acabado aí. Mas teve mais. Uma parte do meu esforço de manter o vínculo com a minha filha e ensiná-la a levar a vida de um jeito mais leve é deixar exposto o meu lado lúdico. O Lino Macedo, um dos maiores especialistas em desenvolvimento infantil do Brasil, em uma entrevista para o Tempojunto, dá uma outra razão, super importante, para esse brincar junto:

“Quando o adulto mantém o tempo junto de brincar com a criança mais velha ele já está sedimentando o caminho para que o adolescente tenha prazer da companhia dos pais e dos adultos, além da companhia dos amigos. “

Por isso, nunca perco a oportunidade de brincar com a Carol, sem medo do ridículo. Ela ficou tão feliz por ter escalado o batente que me convidou a subir também. Eu nem pestanejei!

Escalar parede para ser criança - pat pendurada na parede

 

Com direito a um “Deb” da vitória também.

Escalar parede para ser criança - pat fazendo pose

Bom, essa foi a nossa sugestão de atividade de hoje. Espero que você tenha gostado. Se sim, aproveite para se inscrever na nossa lista de email. Você vai receber toda semana nossa newsletter com tudo, tudo que publicamos aqui no blog e ainda algumas informações exclusivas!

+ There are no comments

Add yours