A música do peixe vivo para relembrar as cantigas de roda


By patcamargo

Cantigas de roda são, na minha opinião, a cereja do bolo quando o assunto é música para as crianças. Isso porque elas representam uma tradição que a gente teima em esquecer – a tradição oral. Mas que ainda é muito importante no fortalecimento do vínculo entre pais e filhos.

Hoje em dia chega-se a questionar as letras de algumas destas canções. Outros optam por cantá-las com as letras alteradas. Eu não concordo. Em minha opinião, acho mais valioso respeitar a música original.

A ciranda deste espaço de música para crianças que escrevo todos os meses é a Peixe Vivo. Tenho certeza que você conhece. Mas talvez a novidade seja a segunda parte da música. Eu só a conheci depois que minha filha aprendeu na escola. A mão da tradição oral foi invertida desta vez e ela foi quem me ensinou.

Escuta só. Aqui ela tinha acabado de completar 3 anos. Ouça como nesta fase as crianças já marcam o ritmo da música com facilidade (nesta gravação, com palmas)

Como pode o peixo vivo
Viver fora da água fria
Como pode o peixe vivo
Viver fora da água fria

Como poderei viver
Como poderei viver
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia

Os pastores desta aldeia
Ja me fazem zombaria
Os pastores desta aldeia
Ja me fazem zombaria

Por me verem assim chorando
Por me verem assim chorando
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia

Há algumas características que as cantigas têm em comum, como por exemplo a letra. Além de ser uma letra simples de memorizar, é recheada de rimas, repetições e trocadilhos, o que faz da música uma brincadeira. Muitas vezes fala da vida dos animais, usando episódios fictícios, que comparam a realidade humana com a realidade daquela espécie, fazendo com que a atenção da criança fique presa à história contada pela música, o que estimula sua imaginação e memória. São os casos das músicas “A barata diz que tem”, “Peixe vivo” e “Sapo Jururu”.

Em outros casos, algum objeto cria vida, ou fala-se de amor que para as crianças é representado principalmente pelo casamento, já que o exemplo mais próximo delas é o dos pais. Há ainda as que retratam alguma história engraçada, divertida para as crianças. Contudo, não podemos deixar de destacar as cantigas que falam de violência ou de medo. (InfoEscola)

Só como curiosidade, sabia que o Milton Nascimento fez uma versão desta cantiga?

Se você gostou desta atividade, aproveite para se inscrever na nossa lista de email. Você vai receber toda semana nossa newsletter com tudo, tudo que publicamos aqui no blog e ainda algumas informações exclusivas!

Outra coisa, sabia que agora temos uma playlist no Spotify? Pois é. Músicas que a gente curte com os nossos filhos. Quem sabe você não curte?

5 Comments

Comente
  1. 5
    Márcia

    Bom dia, por favor me tirem uma dúvida, a música pintinho amarelinho, é uma cantiga de roda, e é de domínio público? Obrigada.

+ Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.