Quem vai ensinar seus filhos a jogar paciência?


Aqui em casa, quem ensinou a Carol a jogar paciência foi a vovó Alice. Virou uma coisa de avó e neta aprender jogos de cartas, seja nos tablets ou com baralhos físicos. Já faz algum tempo que a Carol aprendeu e jogar, mas resolvi fazer este post hoje porque na semana passada, num daqueles momentos sem nada para fazer, a Carol me saiu com um “Já sei! Vou jogar paciência!”

Paciencia - carol jogando

Se queremos os filhos fora das telas, precisamos oferecer alternativas

A frase aí de cima tem dois pontos que merecem reflexão. O primeiro é que, se de um lado precisamos colocar limites para o excesso de telas na vida das crianças (porque qualquer coisa em excesso é ruim), de outro, temos que estabelecer uma relação mais amigável com as telas. Porque a tecnologia veio para ficar. Não tem mais volta. E nem tudo o que a tecnologia oferece é ruim. Pelo contrário.

Outro dia me dei conta do quanto a Carol, com 10 anos, já domina a produção de vídeos, uma linguagem super importante em tempos de youtube, graças aos programas de edição de vídeos que existem no celular. Ela cria narrativas incríveis e consegue transformar em material audiovisual sozinha. Eu não consigo fazer o que ela faz, mas está na minha lista aprender já que ela gosta tanto.

A outra reflexão é que a gente pode ajudar a afastar as crianças do excesso de telas quando apresenta um outro repertório de brincadeiras para ela. Quer uma lista de coisas simples que às vezes esquecemos de brincar?

. Stop (ou adedanha)

Stop

. Batalha naval

Batalha naval de um jeito diferente

. Jogo da velha

Jogo da velha é uma brincadeira para dentro e fora de casa que estimula a velocidade de raciocínio- jogo da velha no papel

. Forca

Soletrar vira uma brincadeira para várias idades com a forca - forca final do jogo

. Jogo do Pontinho

Que tal brincar com seus filhos de jogo do pontinho? - unindo os pontos

Come-come de origami

Da minha infância direto para a da Carol - Come-Come - O come come

. Porrinha

Você se lembrava de todas estas alternativas? Já fez com as crianças?

Por aqui, até a Gabi entrou na onda das cartas e quis um jogo de cartas para chamar de seu!

Paciencia - carol jogando e gabi brincando

(Não repare na bagunça da foto. Nos domingos da família em casa, a varanda fica assim mesmo!)

Se você gostou, tem sempre uma sugestão nova para crianças grandes aqui no blog. Se você não quer correr o risco de perder, inscreva-se na nossa turma da Newsletter. Semanalmente, informamos todas as novidades do Tempojunto por e-mail.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.