Mais 4 dicas de “atividades de férias” sem sair de casa


Na semana passada eu falei aqui de algumas atividades que podemos criar em casa, com as crianças que dão aquele ar de férias, mesmo sem sairmos de casa. Hoje eu vou trazer mais 4 atividades que seus filhos vão amar fazer com você. Aproveitem!

1. Jantar ou piquenique no jardim ou varanda

A Patcamargo se inspirou em uma história do livro Charlie e Lola, chamado “O melhor almoço do mundo”, e criou um piquenique dentro de casa. Na varanda (que tem uma árvore enorme na frente), com um lençol no chão e almofadas, ela fez um delicioso piquenique. Em outro momento, o lugar também foi arrumado para um jantar, com comidinhas fáceis de pegar com a mão mesmo. Ficou ótimo e todo mundo se sentiu um pouco fora de casa.

Jantar ou piquenique no jardim ou varanda

Outra possibilidade é arrumar a mesa de refeições de um jeito diferente. Pode ser temático (como uma cantina, ou um japonês), pode ser como um restaurante elegante, ou só bem colorida.  Só isso já dá um ar diferente para o dia a dia.

2. Balada noturna – com e sem karaokê

Balada noturna - com e sem karaokê

Que tal depois do jantar promover um mini-balada? Basta ligar o som, como músicas agitadas e botar o corpo para requebrar. Como estamos em casa, ninguém vai questionar nosso estilo de dança, então podemos inventar o concurso da dança mais esquisita, o baile dos bichos (onde cada um dança como se fosse um animal), siga o chefe dançando ou simplesmente pular a valer.

Se você tive mais tempo para preparar, pode cobrir algumas luzes da casa com celofane colorido, pendurar pedaços de papel espelho e deixar as crianças vestirem fantasias ou criarem roupas especiais para a noite de balada.

3. Dançando na chuva

Sabe aquele guarda-chuva fofo que as crianças ganharam e raramente usam? Ou aquele seu que elas teimam em querer segurar naquele momento que você precisa dar aquela corridinha na chuva?

Então, que tal programar momentos em que eles possam se divertir com os guarda-chuvas em segurança e matar a vontade? Sempre que chove (especialmente no verão, quando chove mas não esfria tanto) a Patcamargo leva os filhos devidamente paramentados com capa-de-chuva e guarda-chuva para a quadra do prédio. A quadra tem uma parte coberta, então dá para brincar sem necessariamente tomar muita chuva. Se você tem uma garagem coberta, pode ser o local ideal também.

Dançando na chuva

Se não, espere a chuva diminuir para garoa e vá para uma área externa com eles. Garanto que vai ser bem divertido, além de ser uma atividade que dificilmente vá durar muito tempo. Depois, um banho quente e a felicidade da satisfação no rosto das crianças.

4. Cápsula do tempo

Cápsula do tempo

Esta aí acima será a cápsula do tempo da família da Patcamargo. Ainda não está pronta porque eles estão separando brinquedos e gravando partes destas férias para colocar aí dentro. Depois eles vão enfeitar e colorir a garrafa e deixar o recado “abrir em janeiro de 2055”.

Dentro dela, além de um brinquedo de cada filho, estará um CD com músicas que eles ouvem agora, um pendrive com fotos e vídeos que estão fazendo nas férias e uma roupa que não serve mais. Talvez a roupa não sobreviva tanto tempo, mas quem sabe, né?

O duro, segundo a Patricia será agüentar tanto tempo para abrir a cápsula. Por isso, ele vão escondê-la em um lugar que ninguém pode achar facilmente. Quem sabe se este post não será uma lembrança para eles lááá no futuro?

Independentemente do momento em que irão abrir, construir uma cápsula do tempo é uma atividade divertida, em geral feita em acampamentos de férias, mas que podemos fazer em casa facilmente!

Aqui no blog, semanalmente tem sugestões para você e seus filhos. Não perca! E se você se inscrever na nossa Newsletter, estas dicas chegarão gratuitamente no seu e-mail. É só clicar aqui.

 

+ Leave a Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.