Brincadeira para tranquilizar e dar confiança ao recém-nascido


Antes de começar a escrever o post de hoje, eu quero que você olhe esta foto. Porque tranquilizar e dar confiança ao recém-nascido começa disso.

Há um projeto norte-americano sobre desenvolvimento infantil na primeiríssima infância (do nascimento aos 3 anos) que dá um primeiro alerta aos pais: vocês têm o necessário para ser um agente no desenvolvimento dos seus filhos.

Nós, aqui no Tempojunto, corroboramos esta afirmação. Porque para brincar com o recém-nascido não é preciso grandes e caro brinquedos. Ou atividades elaboradíssimas. O simples é a chave para uma relação tranquila e super estimulante para o bebê.

E o primeiro brinquedo do seu recém-nascido é o seu rosto. Porque antes mesmo de se reconhecer como pessoa, com um corpo próprio, ele reconhece a face e as expressões de quem está próximo dele.

Rir e conversar

Por este motivo, brincar com seu recém nascido, com ele próximo do seu rosto, é simples e muito importante.

A Luísa, na foto com sua mãe Danusa, está com apenas 2 meses. E mesmo assim, presta muita atenção no sorriso da mãe. O sorriso, o tom de voz e a conversa despertam muitas das mais de 700 conexões cerebrais feitas por segundo por um bebê nesta idade.

Ao perceber a tranquilidade e a expressão de felicidade de forma constante, o bebê relaciona esta brincadeira com conforto e segurança. Ele percebe que isso tudo significa algo legal. Isso traz a tranquilidade e a confiança que formam um vínculo super positivo entre você e seu filho.

Além disso, esta brincadeira provoca a reação do bebê. Olha só a Luísa sorrindo de volta para a mãe.

Este “bate e bola”, esta conversa, já é o início da comunicação do recém-nascido. O bebê precisa de um adulto responsivo. Em outras palavras, um adulto que responda ao bebê, conforme o bebê se expressa. Quanto mais responsivo e atento o adulto, mais o bebê se sente confiante.

E mais rápido este recém-nascido desenvolve outras formas de se comunicar, além do choro.

Viu como não basta muita coisa? É só olhar mesmo para seu bebê, conversar, sorrir e interagir, um pouquinho por dia.

Eu vou publicar ainda várias atividades para ajudar no desenvolvimento do bebê. Se você não quer perder nada, que tal fazer parte da nossa lista de envio de e-mails? A Newsletter Tempojunto é semanal, gratuita e traz todos os posts que fizemos.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.