Brincadeiras divertidas para ajudar a desenvolver o equilíbrio do bebê


Desenvolver o equilíbrio do bebê é uma das etapas que fazem parte do andar, correr, sentar e muitas outras atividades motoras que estruturarão o alicerce do seu filho. O ouvido é quem zela pelo nosso equilíbrio estático e dinâmico*. Ele avisa o cérebro se você está deitado ou em pé, parado ou dando cambalhota. Sem isso, seria impossível sentar numa cadeira, mergulhar ou simplesmente andar sem cair e trombar o tempo todo.

Desde os três meses, mais ou menos, já é possível brincar para ajudar no sentido de equilíbrio do bebê.

Por exemplo, colocar o bebê sentado no colo ou deitado de costas sobre os joelhos e balançá-lo de um lado para o outro sempre segurando o bebê com firmeza para que ele se sinta seguro.

Ou deitar o bebê de barriga para baixo em cima de um travesseiro e, segurando nele, puxar o travesseiro de um lado para o outro, para a frente e para trás e girá-lo numa volta completa, sempre olhando para o bebê.

O equilíbrio do bebê numa brincadeira de circo

No post de hoje, eu trouxe uma brincadeira que lembra os contorcionistas e equilibristas de circo. Ela é para um bebê com mais de 12 meses. Eu sempre brinquei com meus filhos assim e eles amavam fazer um “espetáculo” para o papai.

Esta brincadeira tem três posições diferentes. Para a primeira, você irá se deitar com as costas no chão, e fazer um L com as pernas.

Olha só esta sequência de fotos da Danusa brincando com a filha Júlia. Você vai pedir para seu filho se debruçar em sua perna e, lentamente, vai levantá-lo. Sempre apoiado em você. Mantenha a pose por alguns segundos, antes de descer e começar de novo.

Se seu filho é mais velho e tem mais firmeza, vocês podem ficar sem as mãos.

Caso contrário, mantenha seu filho seguro, mas deixe-o abrir os braços para se equilibrar melhor. Olha aqui a Júlia se divertindo.

De costas, com cuidado

Uma variação desta brincadeira é segurar e erguer o bebê de costas. Aqui na foto, a Júlia, que é maior, ficou com a cabeça mais solta.

Mas se seu filho for pequeno, mantenha a cabeça na altura das suas pernas. Aproveite para uma boa espreguiçada!

Outra posição possível desta brincadeira de circo que também ajuda no equilíbrio do seu bebê é ficar em pé sobre seus joelhos.

No início, segure firme na cintura do seu bebê, para ele se sentir seguro. Se quiser, balance os joelhos de um lado a outro. Ele vai gostar bastante de se sentir tão mais “alto” do chão.

Lembrando que a postura e o equilíbrio total deve chegar mesmo só a partir dos 5 anos.

Equilíbrio para todas as idades

Apesar de ser um post sobre bebês, praticar o equilíbrio é importante em todas as idades. Por isso, segue o link de um post com outras 17 brincadeiras diferentes para crianças de 0 a 12 anos.

A última variação da nossa apresentação circense é o balanço do trapezista no colo. Segure firme seu bebê no colo, lateralmente. Apoie bem a cabeça dele e balance.

Não sei se você percebeu, mas a Danusa estava o tempo todo olhando para a Júlia. Este contato visual é bem importante, tanto para que o bebê se sinta seguro, quanto para ele ter um ponto focal para olhar. Assim, evita-se a ficar tonto.

Espero que você aproveite nossa dica e brinque hoje mesmo com seu bebê.

*Equilíbrio estático: coordenação necessária para manter a postura. Ex: Manter-se sentado corretamente.
*Equilíbrio dinâmico: regulação da postura em determinado movimento. Ex: caminhar sobre uma prancha

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.