Brincar de faz de conta com brinquedos: 5 exemplos


Eu resolvi escrever um post sobre brincar de faz de conta com brinquedos, porque vejo muito adulto que reclama que a criança passa muito tempo no celular, mas não coloca limites para o tempo de uso do celular e nem para oferece outros estímulos para as crianças.

A falta de brinquedos não costuma ser um problema nas casa de classe média. Pelo contrário, as crianças vivem cercadas de brinquedos. Muitas vezes em excesso. Mas será que as crianças estão sendo estimuladas a tirar o máximo proveito desses brinquedos?

Em geral, se a criança tem tempo livre na agenda e está acostumada a ter que inventar o que fazer no momento de tédio, ela mesma inventa suas brincadeiras e o faz de conta acaba aparecendo naturalmente. Por outro lado, se a criança vive com a agenda cheia de atividades dirigidas, se ela tem sempre alguém dizendo para ela o que fazer, essa vontade de criar as próprias brincadeiras vai diminuindo com o tempo. Se isso acontece com seu filho, é hora de intervir!

Aqui em casa, eu não tenho o problema de ter uma criança que não tem vontade de brincar sozinha. No meu caso, o ponto é que a Gabi gosta de brincar comigo e por isso é natural que ela me chame para as brincadeiras.

Nesse caso eu tenho duas atuações possíveis: 1) esperar ela definir como vai ser a brincadeira, e simplesmente seguir a sua liderança; ou 2) preparar uma proposta que a ajude a entrar no universo da imaginação.

O post hoje é com 5 exemplos de situações que um adulto por montar para a criança brincar de faz de conta com brinquedos.

1. Boneca + giz + lousa = brincadeira de escolinha

Eu separei os brinquedos e dei a ideia da brincadeira de escolinha. Ela logo definiu que seria a professora e pegou uma mesa e uma cadeira para completar o cenário.

A meta foi ensinar o ABC para as bonecas e para a irmã.

2. Bonecos pequenos + animais em miniatura + papel + pedras = cenário de aventura

A combinação acima era o que eu tinha em casa, mas você pode escolher outra coisa. O importante aqui é a ideia de pegar brinquedos que sejam de diferentes contextos e reunir num único cenário para a criança brincar, que nem eu fiz no post Monte um cenário para a brincadeira de imaginação.

3. Fita crepe + carrinhos = ruas da cidade

A Patcamargo foi a primeira a fazer isso com os filhos. Tá tudo contado no post A brincadeira de carrinho mais divertida que eu conheço.

Eu repeti com a Gabi e mostrei no post Pista de carrinho para meninas. Foi um sucesso!

4. Bonecas + papelão + feltro = piquenique com comida de mentirinha

Para apresentar melhor esta atividade, temos um vídeo. Dá só uma olhada em como transformar pedaços de feltro em comida de mentirinha!

5. Areia caseira + acessórios variados + brinquedos em miniatura = brincar de arqueólogo sem sair de casa

O segredo dessa brincadeira é preparar a “areia caseira, também conhecida como “massinha de nuvem” que a gente ensina como faz no post Como fazer areia caseira. O legal do post Brincando de arqueólogo sem sair de casa é que eu falo mais sobre o papel do adulto nesse tipo de brincadeira. Vale a pena a leitura!

Se você curte o assunto do brincar de faz de conta com brinquedos, provavelmente vai gostar de aumentar o repertório de brincar com ideias de brincadeiras para tirar as crianças de frente das telas. Se sim, a gente tem um PDF gratuito com 30 sugestões esperando você.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.