Treino para seu bebê caminhar com brinquedo de rodinha


Caminhar é uma das grandes conquistas do seu filho até os 3 anos. E o brinquedo de rodinhas é uma forma bem divertida de incentivar seu bebê a andar. Este treino para seu bebê caminhar com brinquedo de rodinha deste post é uma brincadeira que ele vai amar fazer.

Entretanto, não estou falando aqui de andador ou coisa parecida. O andador, inclusive, é contraindicado pela Sociedade Brasileira de Pediatria por, entre outras coisas, impedir que o bebê apoie a planta completa do pé no chão.

É como abrir a casulo da borboleta para ajudá-la a sair. Na verdade, é importante para a asa da borboleta forçar sua saída do casulo. Sem isso, a asa fica fraca e não consegue fazer a borboleta voar. Com o pé do seu filho é a mesma coisa: ele precisa andar sozinho para ser fortalecido.

Caminhar com brinquedo de rodinha

Mas bóra para esta brincadeira que eu amei fotografar com a Luísa, na época com 18 meses.

A mãe da Luísa, a Luciana, entregou à filha um brinquedo de rodinha de puxar. E liberou o espaço para a filha andar. O que a Luísa fez? Andou! Muito, por todos os lados.

Porém, ela sempre dava uma checada para ver se o amigo patinho a estava seguindo.

Tendo este amigo de rodinhas, é mais divertido para incentivar o bebê a andar. E ainda mais, ao caminhar com brinquedo de rodinha, seu filho vai praticar outras habilidades, como equilíbrio, atenção e coordenação motora.

Incentivar o bebê a andar e a superar obstáculos

Além disso tudo, o bebê testa hipóteses científicas (claro, sem saber de teorias) com seu brinquedo de rodinhas. Por que o brinquedo o segue? Será que ele vai me seguir se eu puxar o cordão? E se eu não puxar, ele vai continuar me seguindo? Será que se eu der um puxão com força ele anda sozinho?

Todas estas perguntas, e muitas outras, fervilham pela cabeça do seu bebê, estimulando o raciocínio!

Neste conjunto de imagens acima, dá para perceber algo além do caminhar com brinquedo de rodinha. A Luísa se deparou com um problema quando o patinho não subiu o degrau sozinho.

Pois ela pensou, tentou, insistiu de várias formas. Até conseguir que o brinquedo ultrapassasse o obstáculo e seguirem andando.

Um caminhar com brinquedo de rodinha para incentivar o bebê a andar e muito mais, além do tempo junto com ele. 😉

Sei que brincar com bebês às vezes é um desafio, sem saber que brincadeira é melhor para que etapa do desenvolvimento. Que tal um quadro que te ajude nisso? Baixe aqui.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.