Criatividade infantil: como estimular?


Eu sempre me preocupei em estimular a criatividade das meninas por saber o quanto a criatividade é uma competência importante. Mas a ideia de tornar a criatividade infantil um dos pilares aqui do Tempojunto se solidificou quando descobrimos uma pesquisa que mostra o declínio da criatividade.

Aso 5 anos, 98% das crianças são consideradas altamente criativas. Aos 25, destas mesmas crianças, apenas 2% são criativas. Este estudo, chamado Creativity Test, foi conduzido por um pesquisador chamado Georges Land que você pode conhecer neste TED Talk.

Eu não sei quanto a você, mas sabendo da importância da criatividade, eu olho para este número e penso: o que posso fazer para evitar a queda da criatividade na minha filha?

Fui estudar sobre o assunto e vi que muito do que podemos fazer na infância é estimular nossos filhos a brincar livremente.

Existe uma relação direta entre o brincar na infância e a criatividade na vida adulta. Você pode aprender mais sobre isso na nossa Semana da Criatividade. São quatro aulas, online e gratuitas, que ensinam como você pode agir hoje para garantir a criatividade do seu filho amanhã.

No início, é uma questão de deixar a criança livre para explorar materiais, objetos, a natureza.

Deixar a criança experimentar

Quem acompanha o Tempojunto, sabe o quanto incentivamos a exploração. Falamos muito sobre promover atividades sensoriais para os bebês e o contato a natureza. O que não falta aqui é post sobre esta história. Um bom de partida é o post Como criar brincadeiras sensoriais para bebês e crianças pequenas.

Criatividade infantil

O contato com a arte também é importante. Você sabia que a partir dos 5 meses o bebê já pode se divertir com pincel e giz? Aprenda mais sobre arte para bebês no post Quando o bebê pode começar a desenhar.

Esse contato com os materiais, com a natureza, amplia o repertório das crianças. Perceba que elas não brincam para atingir um determinado objetivo. Não tem um planejamento por trás. Elas brincam por brincar.

Deixe a criança inventar

A partir dos 2 anos, quando são capazes de brincar de faz de conta, as crianças começam a usar os materiais a que têm acesso para atingir um objetivo. Essa capacidade de transformar materiais em algo novo vai se desenvolvendo ao longo de toda a primeira infância, período que vai do 0 aos 6 anos.

Quanto menos regra e mais liberdade para criar, melhor! Com tanto estímulo, aqui em casa acabei tendo uma menina que simplesmente AMA inventar. Ela vive fazendo invenções novas. O mais legal é observar o seu processo de trabalho e perceber como ela está sempre colocando a criatividade para funcionar. O fato de ter liberdade para criar e acesso a materiais criativos é fundamental.

Por exemplo, quando tinha 5 anos, a Gabi me pediu para levar uma caixa de materiais para o meu closet. Eu nem questionei, só levei. Afinal, o meu papel é o de facilitar a brincadeira.

Passou um tempo ela me chamou para ver o resultado.

Ou seja, ela percebeu “uma necessidade” que era facilitar meu acesso às bijuterias, e inventou uma solução que era um Pegador de Colares. Pergunta se eu amei?

Ou seja, você estimula a criatividade quando tem um ambiente preparado e incentiva o seu filho a experimentar e inventar desde pequenos. Olha outra das “invenções da Gabi”! Eu tenho uma pasta dedicada a este assunto. O que não falta é exemplo!

Considerando que a criatividade é como se fosse um músculo que precisa ser exercitado, se não atrofia, eu sei que estou oferecendo os estímulos adequados para que minhas filhas sejam adultas criativas. Isso vai ser importante para a vida delas, não importa a profissão que escolham. É importante que elas entendam que todo mundo pode ser criativo e que a criatividade vai ser útil para todos os campos de atuação.

Se você gostou do tema “Criatividade Infantil” e quer aprender mais com a gente, inscreva-se na Semana da Criatividade do Tempojunto. Estaremos ao vivo compartilhando informações preciosas para estimular a criatividade infantil.

+ Seja o primeiro a comentar

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.