5 brincadeiras para estimular o bebê a engatinhar


Eu recebo vários emails pedindo dicas de brincadeiras para estimular o bebê a engatinhar. Para facilitar a vida de quem busca esta informação no blog, vou aproveitar o domingo que costuma ser dedicado a posts sobre brincadeiras com bebês de 0 a 12 meses para reunir as melhores brincadeiras que fiz para estimular a Gabi a engatinhar.

Um bom ponto de partida para quem quer saber mais sobre este assunto é ler a Série Desenvolvimento do Bebê. Lá eu falo sobre o fato de que os marcos do desenvolvimento como sentar, rolar e engatinhar são importantes, mas que precisamos respeitar o tempo da criança e perceber o ritmo de sua evolução para saber que atividades propor a cada momento.  Portanto, eu não tenho exatamente um mês específico para dizer quando as atividades que vou mostrar aqui devem começar. Elas podem ocorrer depois que o bebê já consegue ter força suficientes no abdômen, ombros, braços e pernas para conseguir se sustentar em quatro apoios.

O video abaixo mostra exatamente como podemos posicionar a crianças e suas pernas para estimular o movimento do engatinhar

A Gabi foi daquelas crianças que preferia ficar em pé do que engatinhar. Eu falei isso  para a a fisioterapeuta Letícia Swoboda Castro*, que fez a série do Desenvolvimento do Bebê conosco e ela deu as seguintes dicas para fortalecer a musculatura do bebê que está quase engatinhando, mas ainda não consegue:

A partir do momento em que o bebê está apto para começar a engatinhar, podemos fazer as brincadeiras que estimulam a conquista desta habilidade. Com a Gabi as brincadeiras que mais funcionaram foram essas aqui.

1. Caixa de papelão e Bolas

Eu usei uma caixa de papelão grande, aberta dos dois lados, para fazer uma espécie de túnel. Bastou colocar a Gabi em um dos lados e uma bolinha do outro lado para que ela se interessasse em engatinhar para ir pegar a bolinha. Bem que ela tentou ficar em pé, como primeira alternativa, mas como não dava para passar, gatinha foi a saída 😉 Eu conto com detalhes como foi a reação dela para a brincadeira neste post aqui.

Basta virar a caixa colocar uma bolinha para ela se interessar mais

2. Pista de obstáculos

A ideia é tornar o caminho que a Gabi vai fazer mais interessante. Neste caso, usei copos de papelão para fazer uma torre e coloquei um brinquedo pequeno em cima. Veja a reação da Gabi

3. Objetos grudados

Na mesma linha da ideia anterior, neste caso usei fita crepe para grudar algumas formas de madeira no chão, fazendo um percurso que a Gabi deveria seguir. Olha só o que deu:

Gabi brinca com as formas e a fita adesiva

 

4. Túnel de Cadeiras

Uma outra forma de fazer um percurso interessante é usar cadeiras e um lençol ou cobertor para fazer um túnel de cadeiras. Bastou eu aparecer em um dos lados para a Gabi querer atravessar.

 

Gabi vai passar pelo tunel_foto 1

5. Experiência sensorial

A última sugestão é colocar texturas diferentes no chão, como tapetes, toalhas e cobertores e deixar lá para o bebê poder experimentar a vontade.

Tem muito mais dicas de brincadeiras aqui no site. É só usar uma das nossas ferramentas de busca para encontrar o que precisa. E se você não quiser perder nenhum conteúdo que publicamos para bebês, clique aqui para baixar o seu ebook “Como montar uma área de brincar” e entrar para a nossa lista de emails. Toda semana mandamos um resumo que foi publicado no blog para você. 

Ebook area de brincar_1

 

Ah!! Aqui no blog, todos os dias tem sugestões para você e seus filhos. Não perca! E se você se inscrever na nossa Newsletter, estas dicas chegarão gratuitamente no seu e-mail. É só clicar aqui.

 

Foto da Leticia para curriculum

Letícia Swoboda Castro é fisioterapeuta formada pela USP em 1994. Especializada em patologias do sistema músculo-esquelético pela USP em 1995. Atua na área de Reeducação Postural Global (RPG), desde 1997, com formação especial em Escolioses, RPG em Gestantes, RPG na prática esportiva, RPG em cervicais e Leitura de Radiografias. Letícia também é mãe de duas meninas lindas!

15 Comments

Comente
  1. 3
    Josiane

    Como faço para contratar uma fisioterapeuta infantil aqui em SP vc tem uma dica pra me dar? Lendo seus posts consegui ensinar meu filho até a rolar do engatinhar pra frente tá muito dificil

    • 4
      Patrícia Marinho

      Olá Josiane,
      Certamente a melhor pessoa para você conversar é o seu pediatra. Você falou pouco, então não consigo saber se você já tem um diagnóstico de atraso no desenvolvimento a ponto de precisar de uma estimulação extra vinda de um especialista. As crianças têm ritmos diferentes e a dificuldade pode ter a ver com o tempo da criança em consolidar a habilidade que ele já tem antes de partir para o próximo marco do desenvolvimento. Se, no caso do seu filho, de fato houver um atraso representativo, é importante ter uma parceria com o pediatra para que a equipe (médico e fisco) toda saiba como lidar com o atraso e tenha uma visão complementar sobre as terapias indicadas. É muito complicado indicar alguém sem conhecer o quadro todo.
      Patrícia

    • 7
      tempojunto

      Mariane, não dá para responder esta pergunta com uma idade específica. Engatinhar é uma habilidade que se conquista depois de várias outras. Depois que o bebê consegue sustentar o tronco e se senta sozinho, vem o fortalecimento do quadril e das pernas para ele ser capaz de sustentar o peso do corpo quando fica de quatro. Dá uma olhada nos posts da série Desenvolvimento do Bebê que vc vai ver isso direitinho.
      Patricia

  2. 12
    Elania Casagrande

    Muito bom! Amo ler e ver todas as sugestões! Já fiz várias brincadeiras com minha filha, e os resultados foram maravilhosos. Obrigada por compartilhar.
    Também quero receber os emails. Bjs!!!

    • 13
      Patrícia Marinho

      Oi Elania! Quem que você curte a gente. Acabei de inscrever você na nossa lista de emails. Espero que goste e aproveite bastante.
      beijos,
      Patrícia

+ Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.