15 brincadeiras para uma criança agitada


By patcamargo

Oi gente, tudo bem? Hoje eu vou falar de algumas brincadeiras e atividades que acho que funcionam bastante com criança agitada e mais elétrica.

A ideia do post partiu de um e-mail super legal da Graziela Savio (valeu!) para a Patricia Marinho, comentando que o filho dela se concentra pouco em atividades mais “tranquilas”, preferindo correr, subir e pular. Como eu tenho em casa 1 menino e 2 meninas, resolvi escrever este post. Aliás, sou da opinião que agitação é uma questão mais de personalidade que de gênero. Até existe, segundo especialistas, uma tendência biológica de os meninos buscarem atividades que desenvolvam mais a parte motora grossa. Porém, há muitas meninas que também gostam de um agito. Em casa, a Potchochenca está, nos seus três anos, na idade de explorar tudo. Ela é quem gosta de correr, pular em voar, acompanhando o irmão mais velho (de 5 anos).

Se você tem na sua casa uma criança agitada, dá uma olhada nestas dicas que funcionam muito bem em casa, sempre que aparecem.

O tempo junto agitado

Aproveite os dias em que você está mais descansado e entre no agito junto com as crianças.

1. Coloque uma música e dance!
Não precisa ter coreografia. Não precisa nem ter ritmo direito. Simplesmente, mexa-se

Balada noturna - com e sem karaokê2. Crie um pula-pula em casa (veja aqui como)Criança agitada - subindo o colchão3. Brinque de pega-pega
E use os personagens que ele gosta na brincadeira (Pega-pega alienígena / Polícia e ladrão / Pega-pega super herói)Criança agitada - andando no play

4. Jogue bola (veja as 10 ideias aqui (-; )

10 ideias criativas com bolas

5. Pule corda

15 brincadeiras para a criança agitada - corda
6. Jogue jogos de mãos que sejam rápidos (veja 10 brincadeiras de mão aqui)

Participe junto, mas a parte do agito só para elas

Tem momentos em que você prefere ficar mais tranquilo, mas seu filho ainda está plugado. Aproveite para desafiá-lo. Em geral, a criança agitada gosta de vencer desafios e coloca toda sua energia nisso. Escolha algo que precise de certo esforço para ser superado, mas nada tão difícil a ponto de gerar uma frustração. Neste caso, seu papel é do incentivo, do “treinador” que vai dar as dicas, sem participar ativamente.

7. Subir em árvores

Se não for na sua casa, tente um parqueCriança agitada - Subindo em árvore

8. Completar um circuito de atividades (a gente já criou uma  gincana bem legal de coordenação motora)

A dica aqui é usar o que você tiver em casa, e montar um pequeno circuito como dos filmes de treinamento de exército que vemos em filmes, mas obviamente adaptado para a idade, motricidade e maturidade do seu filho. O legal é que ele tenha que rastejar (por baixo da cadeira, da mesa ou de uma teia presa na parede), saltar (do sofá, de uma cadeira firme), apanhar um objeto no alto (com escada ou banquinho seguros) ou no fundo (com um gancho de clipes preso em uma colher de pau, ou em um barbante), e correr até o final.

9. Ir num brinquedo do tipo “trepa-trepa”

Eles existem em muitos parques e locais de atividade infantil. Maiores ou menores, podem ser um ótimo desafio.

Criança agitada - trepa trepa

10. Superar o medo de um brinquedo

Pode ser o escorregador, o balanço ou o trenzinho!

Criança agitada - brinquedão superando o medo

Momento de concentração

Uma criança mais agitada pode, sim, ficar concentrada. E por muito tempo. Talvez o que falte seja observar quais são as preferências e necessidades dela para propor coisas que motivem. O Thiago, do blog Paizinho, vírgula, por exemplo, contou para a gente que seu filho Dante (de 2 anos e 2 meses) é do tipo agitado. Mas um dia, o pai percebeu o interesse do filho por um quebra-cabeça, mesmo que não fosse recomendado para a idade. Bingo! Foi o ponto de concentração do Dante. Veja mais estas dicas:

11. Colar Figurinhas (a gente falou aqui sobre elas, já viu?)
Criança agitada - colando figurinha
12. Desenhar brincando (algumas ideias de como tornar a atividade criativa aqui aqui e aqui)

brincar de desenhar-papel com rabisco

13. Construir coisas a partir de sucata (como esse batmovel aqui)

como estimular a criatividade do seu filho - carro batman

14. Brincar na areia (e a gente te sugere ou isso ou isso)

Castelo de Areia

15. Tirar fotografias (como esse jogo da Câmera quente)

melhores brincadeiras em família - camera quente

16. Dica extra: Aplicativos (a gente já sugeriu alguns educativos aqui ou para volta às aulas aqui)

Esta ficou como extra porque não é para viciar seu filho em aplicativos de computador. Mas para passar um tempo junto com ele, jogando, para que o exercício da concentração seja divertido.

6 dicas de app

Ah! Só mais uma coisa que acho importante quando o assunto é a criança mais agitada. Particularmente, e depois de ler vários especialistas, não acredito que existam tantas crianças taxadas de hiperativas que realmente possam ser diagnosticadas com TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hoperatividade). Então busque sempre um, dois ou três opiniões de especialistas caso você ache que seu filho é agitado acima do limite.

E se você quer conhecer melhor a gente, inscreva-se na nossa lista de newsletter e receba toda semana nossas dicas por email. É grátis!

22 Comments

Comente
  1. 1
    Graziela Sávio

    Adorei o post meninas! Vou salvar aqui para quando meu pequeno estiver maior!

    Hoje eu costumo levar bastante ele no parquinho (ele é super destemido e sobre em todos os brinquedos!), brincar com bola, pega-pega… Ir no parque e deixar ele descobrir as coisas… Vou ficar aguardando o post para crianças de 1 a 2 anos!

  2. 9
    Isa

    Legal, tenho sobrinhos pequenos que são muito agitados, e as vezes não consigo acompanhá-los.Esse post me ajudou muito!

  3. 11
    Gerson Pires de Godoy

    Parabéns Patricia pela iniciativa e pelas dicas, pois achei por acaso este site,porque estava pesquisando como fazer uma casinha no fundo do quintal para minha neta e acabei achando a divulgação de brincadeiras para crianças e isto me chamou a atenção.Agora terei a oportunidade de receber mais informações de brincadeiras e assim me divertir e contribuir com a formação da neta e neto.
    Mais uma vez muito obrigado

    • 12
      Patrícia Marinho

      Olá Gerson,
      Muito obrigada pelo comentário. Fico feliz em ver o trabalho reconhecido e mais ainda por testemunhar um avô comprometido com o desenvolvimento dos seus netos. Espero que a gente posso contribuir muito para esta relação. Volte sempre.
      Abraços,
      Patrícia

  4. 13
    Renata

    Nossa adorei as idéias e vou colocar em prática pq meu filho está numa fase de se irritar facilmente, grita, nossa muito difícil ele não para quer correr kkkkk

  5. 15
    Suelen

    Ótimo!!! É o que eu estava precisando,muito obrigado por compartilhar essas sugestões maravilhosa no qual todos se divertem.bjs

  6. 17
    Narjara

    Amei as dicas. Minha filha tem três anos e é uma criança bem elétrica e pra completar tem um rostinho bem traquino, nada princesinha, e aí algumas pessoas ficam falando que ela parece um menino. Ignoro os comentários, por elas terem essa idéia equivocada. Até mais!

+ Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.